Será que o seu filho está a ter comportamentos de risco?

Será que o seu filho está a ter comportamentos de risco?

Infelizmente vivemos numa época em que os jovens e adolescentes conseguem facilmente esconder os seus sentimentos e atitudes. Mas, a par disso, conseguem também ter comportamentos de risco que não são demonstrados à frente dos pais.

Por isso, muitas vezes os mesmos apenas se conseguem aperceber do problema quando a situação está praticamente fora de controlo.

Assim sendo, como perceber se existem comportamentos de risco no seio familiar? É isso mesmo que lhe iremos explicar de seguida.

Comportamentos de risco: O que são?

De forma bastante simples, os comportamentos de risco, tal como o próprio nome sugere, são comportamento tidos por impulso e sem considerar as consequências que dos mesmos possam advir.

Muitas vezes, quem os pratica acaba por colocar-se em situações de perigo, que podem em casos extremos levar à morte.

Este tipo de comportamento é muito comum na adolescência! Isso porque os valores ainda estão a ser formados, existindo muitas dúvidas!

Essas dúvidas levam a que hajam atos de rebeldia pura que podem vir a ter consequências.

Quais os comportamentos de risco mais comuns na adolescência

A adolescência é uma fase complicada para a grande maioria dos jovens. Entre a escola, centro de estudos, amigos, pressões sociais, e todo o percurso escolar para entrar na faculdade, muitos acabam por sucumbir a algumas pressões.

Assim sendo, existem alguns comportamentos que são muito comuns na adolescência.

Indicamos os principais de seguida, de forma a que possa estar um pouco mais alerta em relação aos seus filhos.

1 – Distúrbios alimentares

São doenças psicológicas e têm na sua origem interações fatores psicológicos, biológicos, familiares e socioculturais.

Os mesmos são essencialmente caracterizados por mudanças no comportamento alimentar. Os mais comuns são: anorexia, bulimia, ortorexia, vigorexia e compulsão alimentar.

Por norma, os mesmos ocorrem maioritariamente em jovens mulheres, mas também começam a ser comuns no sexo masculino.

2 – Drogas, tabaco e álcool

A adolescência é uma época conhecida pelos excessos. E, os principais são as drogas, tabaco e álcool.

E, a verdade é que os mesmos são muito simples de esconder dos adultos. Talvez por isso sejam comportamentos mais associados a saídas à noite, onde os cheiros podem facilmente ser justificados.

Estar atento a algumas alterações, pode ser uma boa forma de perceber se o seu filho está a ter algum destes comportamentos.

3 – Sexo sem proteção

Este é outro dos comportamentos de risco mais comuns nos adolescentes. O maior problema é que não é só uma gravidez indesejada que pode advir dos mesmos.

Doenças sexualmente transmissíveis são também uma realidade, e muitos jovens acabam por ver toda a sua vida colocada num limbo devido a uma atitude irrefletida.

No Centro Ser Mais, fomentamos a entreajuda e por isso temos ao dispor de pais e encarregados de educação consultas para adolescentes e pré-adolescentes.

Nas mesmas eles podem falar abertamente de tudo sem terem medo de serem julgados.

Se sente que o seu filho está a ter comportamentos de risco e ele não fala consigo, fale connosco! Tentaremos ao máximo ajudar.

 

adolescência, adolescentes, alcool, anorexia, apoio, comportamentos de risco, comportamentos por impulso, compulsão alimentar, distúrbios alimentares, drogas, sexo sem proteção, tabaco


Somos um centro de estudos em telheiras, onde o nosso foco é a sua Família e os desafios com que se depara. Assim, oferecemos-lhe uma resposta especializada, multidisciplinar e flexível, adaptada aos seus horários e necessidades.