8 fatores externos que podem melhorar os hábitos de estudo

8 fatores externos que podem melhorar os hábitos de estudo

Aprender a estudar da forma correta é uma tarefa que exige paciência e dedicação. Saber como ter e melhorar os hábitos de estudo contribui para uma aprendizagem de maior qualidade, e por consequência, maior aproveitamento na escola.

Existem algumas dicas que podem ser aplicadas na sua rotina, e auxiliam a melhorar estes hábitos. A par disso, criar uma rotina saudável de estudos, ajuda no desenvolvimento cognitivo e melhora a concentração.

Assim sendo, independentemente do seu filho estar num centro de estudos, conheça 8 dicas que certamente farão a diferença.

Melhorar os hábitos de estudo: Conheça 8 que vão fazer a diferença

Muitos pais acabam por deixar de lado fatores externos, como o ambiente e a iluminação, atribuindo uma boa qualidade de estudos unicamente à concentração e dedicação.

Equivoca-se quem pensa dessa maneira. O local de estudos tem extrema influência no desenvolvimento da habilidade de estudar.  Veja o que pode ser feito para criar o ambiente de estudos perfeito.

1 – Iluminação 

Além de não ser saudável, é quase impossível ler num ambiente com pouca iluminação. Da mesma forma que também é incomodativo e cansativo estudar num local com muita claridade.

Equilibrar a intensidade da luz é fundamental para melhorar os hábitos de estudo. Isso porque irá garantir que o seu filho se consiga se concentrar melhor e por mais tempo.

2 – Ambiente silencioso

Estudar num local com muitos barulhos e ruídos pode ser uma missão quase impossível. Isso porque estas são influências externas que atingem diretamente o nível de foco e concentração.

Para que o estudante mantenha a sua atenção inteiramente no conteúdo dos seus estudos, é importante estar num local silencioso. Dê preferência a bibliotecas ou ambientes reservados, no caso de ele optar por estudar em casa.

3 – Temperatura e conforto do ambiente

Já pensou em trabalhar várias horas num local com muito calor? Ou quem sabe, muito frio?

Certamente a temperatura extrema, seja quente ou frio, incomoda e influencia de forma negativa a qualidade do trabalho. O mesmo acontece com o local de estudos.

Para evitar este contratempo, escolha um local com um clima mais regular e constante, e que seja arejado. É preciso o máximo de conforto na hora de estudar, para que o seu filho se sinta confortável.

4 – Mobília 

Os móveis como é o caso da mesa e cadeira também afetam diretamente os hábitos de estudo. É importante escolher móveis com altura e dimensões adequadas para que ele se acomode adequadamente.

Estudar já é uma atividade que exige bastante do corpo. Então para evitar maior cansaço, tenha a certeza de ter mobiliário ergonómico.

5 – Distrações 

Dedicar-se à hora de estudos significa abdicar das possíveis distrações que podem afetar essa atividade. Isso quer dizer que na hora de estudar a concentração deve estar focada no conteúdo. Assim é essencial que ele deixe de lado a TV e o smartphone.

6 – Alimentação

É quase impossível uma pessoa estar concentrada se estiver com fome. Por isso é importante que o seu filho tenha uma alimentação cuidada antes do estudo. Ao mesmo tempo, esteja atenta ao tipo de alimentos que ele vai ingerir antes de começar a estudar.

Opte por alimentos leves e de fácil digestão. Porque caso contrário ele terá muita dificuldade em manter-se atento e prosseguir com os estudos.

7 – Hidratação

Pode não parecer, mas estudar é uma tarefa que promove esforço físico e mental. Manter-se hidratado é fundamental para aumentar a capacidade do corpo em suportar várias horas de concentração.

Uma boa dica é manter uma garrafa de água por perto sempre que ele estiver a estudar. Ah, e garanta que é uma garrafa reutilizável.

8 – Pausas regulares 

Uma dica de ouro para quem quer melhorar os hábitos de estudo é conhecer e respeitar os limites do corpo. O nível de concentração oscila durante os estudos. Ou seja, quanto mais cansado ele fica maior será o declínio da atenção.

Por isso é imprescindível fazer pausas regulares durante o estudo. O ideal é que para cada hora estudada seja feita uma pausa de 15 minutos para descanso.

Certamente quando ele voltar à leitura, vai notar que consegue absorver melhor o conteúdo que está a estudar.

Agora que conhece essas importantes dicas para melhorar os hábitos de estudo, não deixe de as passar para o seu filho de forma a que ele possa colocá-las em prática.

aprender a estudar, concentração, conforto, estudar, estudar melhor, fatores externos, hábitos de estudos, local de estudos, melhorar os hábitos de estudos


Somos um centro de estudos em telheiras, onde o nosso foco é a sua Família e os desafios com que se depara. Assim, oferecemos-lhe uma resposta especializada, multidisciplinar e flexível, adaptada aos seus horários e necessidades.